Explore Sao Paulo, Life and more!

São Paulo em São Paulo

São Paulo em São Paulo

Se chama Otavio Oods e há 3 anos decidiu mudar de vida e começar a criar mosaicos de uma beleza única. No seu ateliê,  Oodsmosaic, desenvolve os produtos se baseando em conceitos de sustentabilidade, harmonia e respeito para com a natureza. Por fim, pede mais arte pra todos. Em Franca, São Paulo, Otavio inseriu um mosaico em praças, parques e alguns estabelecimentos comerciais, “tentando de alguma forma inserir a arte no inconsciente e consciente das pessoas”. “Vejo que estamos carentes de…

Artista brasileiro larga tudo pra se dedicar a criar mosaicos fantásticos

Se chama Otavio Oods e há 3 anos decidiu mudar de vida e começar a criar mosaicos de uma beleza única. No seu ateliê, Oodsmosaic, desenvolve os produtos se baseando em conceitos de sustentabilidade, harmonia e respeito para com a natureza. Por fim, pede mais arte pra todos. Em Franca, São Paulo, Otavio inseriu um mosaico em praças, parques e alguns estabelecimentos comerciais, “tentando de alguma forma inserir a arte no inconsciente e consciente das pessoas”. “Vejo que estamos carentes de…

Na decoração, a proprietária aproveitou as peças que vem colecionando ao longo da vida. “Sempre que vejo uma coisa de que gosto, compro mesmo sem saber onde vou colocá-la. Quando preciso decorar algum espaço, não gosto de ir à procura de uma peça específica, com pressa. Sempre dá errado...” O sofá de riscas, por exemplo, foi o primeiro desenhado por Isabelinha em São Paulo, quando ela trabalhava com Pedro Espírito Santo e Frederico D’Orey na loja Armazém.

Na decoração, a proprietária aproveitou as peças que vem colecionando ao longo da vida. “Sempre que vejo uma coisa de que gosto, compro mesmo sem saber onde vou colocá-la. Quando preciso decorar algum espaço, não gosto de ir à procura de uma peça específica, com pressa. Sempre dá errado...” O sofá de riscas, por exemplo, foi o primeiro desenhado por Isabelinha em São Paulo, quando ela trabalhava com Pedro Espírito Santo e Frederico D’Orey na loja Armazém.

“#Oimeunomeé Melany Lo Lee (@melanylolee) e tenho 20 anos. Nasci no Paraguai, morei em Taiwan e agora vivo em São Paulo. Passei a maior parte da minha vida em São Paulo, estou aqui há 13 anos. Vejo sempre uma grande diferença entre os países em que morei e visitei. Morar em outro pais é aquela adaptação, que muitas vezes demora, mas hoje posso me dizer em casa e ancorada. Sou influenciada pela minha cultura, que é uma mistura de chinesa e coreana, e pelo Brasil. Experimentei e vivi tudo…

“#Oimeunomeé Melany Lo Lee (@melanylolee) e tenho 20 anos. Nasci no Paraguai, morei em Taiwan e agora vivo em São Paulo. Passei a maior parte da minha vida em São Paulo, estou aqui há 13 anos. Vejo sempre uma grande diferença entre os países em que morei e visitei. Morar em outro pais é aquela adaptação, que muitas vezes demora, mas hoje posso me dizer em casa e ancorada. Sou influenciada pela minha cultura, que é uma mistura de chinesa e coreana, e pelo Brasil. Experimentei e vivi tudo…

Camiseta pra fazer as correrias e do dia e também saudar a escritora. Recentemente li 'Quarto de Despejo' e queria partilhar com você a importância desse livro. Os diários de Carolina são impressionantes ela narra o dia a dia como moradora da favela do Canindė em São Paulo como catadora de materiais recicláveis todo dia batalhando para vender papéis e ferros para conseguir alimentar seus filhos. Lavando as roupas nas águas do Rio Tietê coletando água  numa única torneira que abastecia a…

Camiseta pra fazer as correrias e do dia e também saudar a escritora. Recentemente li 'Quarto de Despejo' e queria partilhar com você a importância desse livro. Os diários de Carolina são impressionantes ela narra o dia a dia como moradora da favela do Canindė em São Paulo como catadora de materiais recicláveis todo dia batalhando para vender papéis e ferros para conseguir alimentar seus filhos. Lavando as roupas nas águas do Rio Tietê coletando água numa única torneira que abastecia a…

Nada a temer! Leia o texto de Fred Melo Paiva.  O atleticano gosta mesmo é da dificuldade  da conquista épica da cabeçada certeira e já improvável aos 42 do segundo tempo da perna esquerda de Deus se manifestando aos 48. O atleticano gosta é do infarto do ataque cardíaco da unha comida até que não reste mais unha. O atleticano nasceu pra sofrer e dar a volta por cima; pra desacreditarem dele e aí sim estufar o peito como os galos que tecem a manhã e gritar ao mundo seu mais completo…

Nada a temer! Leia o texto de Fred Melo Paiva. O atleticano gosta mesmo é da dificuldade da conquista épica da cabeçada certeira e já improvável aos 42 do segundo tempo da perna esquerda de Deus se manifestando aos 48. O atleticano gosta é do infarto do ataque cardíaco da unha comida até que não reste mais unha. O atleticano nasceu pra sofrer e dar a volta por cima; pra desacreditarem dele e aí sim estufar o peito como os galos que tecem a manhã e gritar ao mundo seu mais completo…

01-decoracao-estante-madeira-poltrona-mole

Leveza carioca

Maceio is not the most visited tourist destination in Brazil yet, but Maceio is becoming increasingly popular.

Cities in Brazil - Maceio: Northeast Coast Pitstop

Pinterest
Search